A psicanálise é, em essência, uma cura pelo amor.
(Sigmund Freud)

Onde se cria, não se copia: a prática da singularidade

Já ouviu alguém dizer que nada se cria, tudo se transforma? Ou ainda que nada se cria, tudo se copia? Eu já ouvi inúmeras vezes e tenho certeza que você também. Faz parte do senso comum. Mas não compartilho dessa posição, justamente por fazer outra leitura desse pensamento. Acredito na possibilidade da transformação. Discordo que …

Continue lendo

Horizontes que nos convocam

“O destino de tudo é futuro, no arco do movimento de tudo, as coisas navegam na direção de um porto que não chega nunca, uma vez que cada porto é uma véspera de porto.” (Hélio Pellegrino) Gosto de contemplar horizontes. De observar o céu tocando a terra ou o mar entrelaçado com o céu. Quando …

Continue lendo
© 2019 Caminhos da Psicanálise. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por CriaTec