A psicanálise é, em essência, uma cura pelo amor.
(Sigmund Freud)

Entre a fluidez do romance e a complexidade do amor

  Sílvia Marques   É muito comum encontrar pessoas capazes de viver um bom romance, regado a pequenos gestos de carinho e sedução. Pessoas capazes de dar o melhor de si para vivenciar o jantar perfeito, a noite perfeita ou até mesmo o final de semana perfeito. Quando nos preparamos para um jantar comemorativo ou …

Continue lendo

Ser amado é uma conquista

Diferentemente do que o senso comum imagina, ser amado é uma conquista, uma construção. Não é uma dádiva que cai dos céus para tornar felizes alguns abençoados ou eleitos pelo destino. Escuto mulheres extremamente atraentes, bem-sucedidas profissionalmente e instruídas queixarem-se de falta de amor. Elas entram nos relacionamentos de cabeça, entregam tudo o que têm, …

Continue lendo

Homens com lógica feminina: o encontro entre o amor e o desejo

Já dizia Freud que o homem tendia a separar amor de desejo. Com uma mulher ele vivia a afetividade. Com outra, o desejo sexual. Uma ele via como santa. A outra, como prostituta. Quem nunca ouviu falar sobre mulheres feitas para casar e outras para transar? Essa divisão entre amor e desejo que faz o …

Continue lendo

Por que nós nos negamos a receber o amor?

Por que nós nos negamos a receber o amor? E quando uso o termo amor, me refiro a qualquer tipo de amor: eros, philia ou ágape. Falo desde o amor carnal, paixão, pele, suor, até um gesto de bondade que fazemos a um desconhecido, passando pelas amizades e parcerias amorosas de longa data. Por que, …

Continue lendo

Ser pai, um aprendizado permanente

“Ser pai não é ato natural, mas um aprendizado permanente.” (Gilberto Dimenstein) Fui pai aos 21 anos. Um jovem, recém-saído da adolescência, tendo que dar conta da paternidade, da relação conjugal e da vida profissional. Aos 26 anos, um pouco mais maduro, tornei-me pai novamente. Muito antes de ser pai, já sonhava em não reproduzir …

Continue lendo

O novo amor: o amor em primeira pessoa

Como diria Jorge Fobes no texto Amor Adolescente, estamos vivendo o novo amor. Um amor que se importa com o presente, desconsiderando o passado e o futuro. A combinação entre Eros e Filia. Para muitos, não existe amor na pós-modernidade. Mas, fazendo uma análise histórica, o amor entrou na equação do casamento apenas no século …

Continue lendo

Relacionamento entre crianças e avós

Os avós ocupam um lugar único na vida das crianças. Por sua vivência e experiência, já não sofrem das mesmas ansiedades dos pais, que costumam ser impacientes, preocupados e nervosos diante de uma situação difícil. Geralmente, eles têm, pelos netos, mais compreensão e diálogo. É claro que existem também momentos de irritação e impaciência, porém …

Continue lendo

Amizades que transcendem as redes sociais

Em um mundo onde a competitividade e o individualismo são marcas registradas, é essencial cultivar e valorizar as amizades. Ter uma rede de suporte afetivo e fazer parte de relações de confiança faz bem para todos nós. Contar com o apoio dessas pessoas traz conforto e alegria, e, em alguns casos, elas podem se tornar …

Continue lendo

Separar para não divorciar

Texto escrito por Vera Iaconelli e publicado na Folha de S. Paulo – 3 de julho de 2018. Nos casais é comum acusarmos o outro de ser ele mesmo A psicanálise tem as melhores e as piores notícias sobre o amor. Os românticos que me desculpem, mas o amor pode ser bem melhor quando encarado sem nenhuma …

Continue lendo

Viver na dimensão do desvelo

“Apanhai-nos as raposas, as raposinhas, que fazem mal às vinhas, porque as nossas vinhas estão em flor” (Cântico dos Cânticos). Há, pelo menos, três sentimentos que alicerçam a relação a dois quando vivida na dimensão do desvelo: o cuidado, a ternura e a carícia. A palavra cuidado tem origem etimológica em duas expressões latinas: “cura” …

Continue lendo

Amor: encontros ou desencontros?

Freud dizia que “a salvação do homem é o amor e o trabalho”. Realmente, podemos pensar que a vivência do amor íntimo e comprometido se constitui na experiência mais significativa pela qual passamos. O amor é fonte de motivação e energia,  tem papel terapêutico em nossas vidas. É incrível o seu poder, a força de transformação …

Continue lendo
© 2019 Caminhos da Psicanálise. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por CriaTec